Público de Novos Hábitos

On line agora

segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Como eliminar o medo da mudança em 3 passos, utilizando o Coaching e a Terapia (e garantir a redução da sua ansiedade).


terapeuta, mulheres, fortes, foco



O medo é uma sensação que proporciona um estado de alerta demonstrado pelo receio de fazer alguma coisa, geralmente por se sentir ameaçado, tanto fisicamente como psicologicamente. Pavor é a ênfase do medo.

É também uma reação obtida a partir do contato com algum estímulo físico ou mental (interpretação, imaginação, crença) que gera uma resposta de alerta no organismo.

Esta reação inicial dispara uma resposta fisiológica no organismo que libera hormônios do estresse (adrenalina, cortisol) preparando o indivíduo para lutar ou fugir.

A resposta anterior ao medo é conhecida por ansiedade. Na ansiedade o indivíduo teme antecipadamente o encontro com a situação ou objeto que possa lhe causar algum mal. Sendo assim, é possível se traçar uma escala de graus de medo, no qual, o máximo seria o pavor e, o mínimo, uma leve ansiedade.

O medo pode se transformar em uma doença (a fobia) quando passa a comprometer as relações sociais e a causar sofrimento psicológico. A técnica mais utilizada pelos psicólogos para tratar o medo se chama Dessensibilização Sistemática.

Com ela se constrói uma escala de medo, da leve ansiedade até o pavor, e, progressivamente, o paciente vai sendo encorajado a enfrentar o medo.

Ao fazer isso o paciente passa, gradativamente, por um processo de reestruturação cognitiva em que ocorre uma reaprendizagem, ou ressignificação, da reação que anteriormente gerava a resposta de alerta no organismo para uma reação mais equilibrada (Wikipédia).

Fiz uma pesquisa no google trends sobre as palavras medo e ansiedade, o resultado foi que o Brasil é um dos países mais medrosos do mundo, baseado nas pesquisas realizadas no google no último ano.


Com relação aos Estados, Goiás ficou entre os primeiros.
Infelizmente o medo é aprendido. Desde a tenra infância os pais dizem: “Cuidado com isto, caso contrário vai cair, se machucar”. Ou eles disseram: “Se você não fizer a tarefa ou se for malvado, o papai do céu não vai gostar, ou o bicho feio vem te pegar a noite”.

Ninguém fez isto por mal, a cultura do medo é transmitida de geração para geração. Afinal é mais fácil controlar os medrosos, do que os corajosos.

O fato foi que você cresceu, no entanto até hoje, o medo do novo e de se arriscar te perseguem.

Sempre falo em meus atendimentos ou treinamentos, que é preciso um enfrentamento lúcido, para superar seja o medo, a ansiedade ou qualquer tipo de trauma.

Agora vou me ater aos três passos, para você praticar no mínimo por 21 dias.

Passo número 01: Liste todos os sonhos e objetivos que você guardou ou nem pensa neles por medo de se arriscar.

Passo número 02: Pratique a meditação de um minuto. Ou seja durante um minuto, preste atenção somente em sua respiração (com a prática diária você perceberá a redução nítida em sua ansiedade).

Passo número 03: Fale dos seus objetivos para 03 pessoas, crie um grupo no WhatsApp por exemplo e dê um feedback diário, dos seus passos, rumo aos seus sonhos e objetivos (que você listou no passo 01) para estas pessoas do grupo. Mas um detalhe coloque neste grupo, somente pessoas que você sabe serem positivas e que te auxiliarão nesta caminhada. Evite colocar as negativas.

Pratique estes passos, afinal o que você tem a perder? Gosto da frase: “Insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa e esperar resultados diferentes”. Albert Einstein

Fique à vontade para falar comigo no e-mail adriana.mantana@totalmentemulher.com.br, terei o maior prazer em esclarecer suas dúvidas e saber dos seus resultados.

Grande abraço.

Adriana Mantana

Coach de Mulheres e Terapeuta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba nossas ÚLTIMAS NOVIDADES.

Deixe o seu email aqui para receber nossas ÚLTIMAS NOVIDADES.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...